Resident Evil 3 - Remake, agrada fãs e atualiza a nova geração de Gamers

Seguindo sua jornada pelos infindáveis trilhos dos jogos Remake, a CAPCOM produtora original da série Resident Evil aproveita para dar continuidade a seu último sucesso, o aclamado Resident Evil 2, lançado em 25 de janeiro de 2019 e prepara suas armas e servidores para o lançamento de Resident Evil 3 Remake em 03 de abril de 2020.


Depois de várias imagens e cutscenes divulgadas, RE3 remake apresentará melhorias de jogabilidade e mecânica em relação ao RE2 remake, onde o foco será um um pouco mais na ação e dos “jump scares” do Nemesis tentando pegar o pescoço da Jill.


"28 de setembro, manhã. Os monstros tomaram conta da cidade. De alguma forma, ainda estou viva..." Frase de Jill Valentine ao iniciar o clássico de Resident Evil 3 de 1999, onde tivemos a alegria de poder controlar a Jill no seu caminho pela sobrevivência nos momentos finais da cidade de Raccon City (muitos entenderam a piada de humor negro sobre o Coronavírus e a Umbrella). Nesse remake, além da remodelagem completa, tivemos uma repaginada nos layouts e detalhes da cidade, inclusive nas roupas dos personagens (tá certo, a gente admite que ela ficou bem melhor que nos gráficos poligonais, rsrs).

A CAPCOM manteve a mesma técnica inicialmente utilizada em Resident Evil VII para “desenhar” os nossos heróis. Pegando atores e modelos de verdade para darem vida e expressão aos personagens do jogo. A modelo russa Sasha Zotova postou em seu Instagram (@shuzolotova) que deu vida a nossa querida guerreira no jogo. O nosso amigo Carlos terá sua presença expandida no jogo, aparentemente além de sua relação com a Jill no clássico, onde no trailer mostra uma participação maior do mercenário da UBSC (Umbrella Biohazard Countermeasure Service).

Ficamos sabendo que não terá a mecânica de decisões no jogo como o clássico tinha, onde dependendo de suas decisões ou caminhos tomados em primeiro lugar a trama mudava, inclusive o final do jogo. Uma novidade sobre o modo online, além do nome, que mudou no de Mercenaries para REsistance, o módulo agora é de sobrevivência competitivo ao estilo 1x4 onde os jogadores (4 deles) são colocados contra uma IA que fica “passeando” pelo cenário largando um monte de armadilhas no caminho dos sobreviventes, obviamente impedindo que eles escapem. É um conceito interessante adotado pela fabricante CAPCOM para manter seus jogadores por mais tempo jogando RE3. REsistance não é algo oficialmente envolvido na história da franquia Resident Evil mas temos alguns “easter eggs” na forma de personagens como Annette Birkin, esposa de William Birkin de RE2

Peter Fabiano, um dos produtores da CAPCOM envolvido no jogo diz: “mas pode pode ser usado para diversão e para os fãs se questionarem será que tem alguma conexão?

Fora tudo isso, um dos objetivos, além de repaginar os clássicos para as nova gerações, é atualizar os “novatos na série”, seguindo a história desenvolvida em Resident Evil 2 Remake onde há explicações sobre os acontecimentos que ocorreram ao longo da saga.

Para despertar sua curiosidade sobre o projeto, segue a página do game contendo o trailer oficial e o Gameplay, já jogado pela galera do REVIL (projeto oficial de Resident Evil no Brasil) durante a versão de teste de Resident Evil 3 Remake.

Confiram a página oficial: https://www.residentevil.com/re3/pt-br/

Esse jogo promete!




14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Equipe

Fliperama de Verdade

  • Spotify - Black Circle
  • Preto Ícone Instagram

©2020 por Fliperama. Orgulhosamente criado com Wix.com