Filme de Ghost of Tsushima

Depois do enorme sucesso de Ghost of Tsushima no PS4, era mais que provável da indústria cinematográfica ficar de olho no game para realizar uma adaptação para os cinemas ou serviços sob demanda.


Trailer do jogo:


De acordo com a Deadline, quem estará no comando da direção do filme é Chad Stahelski, que é o homem por trás das câmeras na franquia John Wick. A adaptação cinematográfica será desenvolvida pela Sony Pictures e pelo selo PlayStation Productions, que também está por trás do filme de Uncharted e da série de TV de The Last of Us, na HBO. A Sucker Punch Productions, estúdio do game, está envolvida na produção-executiva do projeto.


Ainda não há previsão de estreia ou elenco definido para o filme de Ghost of Tsushima. Mas Daisuke Tsuji, ator que deu vida ao personagem Jin Sakai (jogo), publicou em sua conta no Twitter que está mais do que interessado em reviver esse papel, mas nada foi definido ainda.

Tradução livre:

“Se eu conseguir interpretar Jin no Ghost ao vivo, diga que concordo totalmente em fazer cena de nudez.”


O jogo conseguiu cruzar vários marcos na indústria de jogos. Ghost of Tsushima ultrapassou o marco de 6,5 milhões de cópias vendidas desde o seu lançamento em julho de 2020. A obra recebeu 7 (sete) indicações no Game Awards do mesmo ano (link), sendo o vencedor na categoria de “melhor direção de arte”.


Além do prêmio recebido no Game Awards de 2020, uma estatística que agrada os desenvolvedores é que ⅔ da comunidade gamer, segundo registros do MyPst, são de pessoas que além de possuírem o jogo, platinaram ele. Isso demonstra que a maioria dos jogadores ficaram interessados em fazer todas as missões do jogo (principais e secundárias), curtindo ao máximo tudo que o título tem a oferecer.


Mas sobre o quê é a história?

O jogo acompanha a história de Jin Sakai, um samurai que deve abandonar seu estilo honrado de combate para enfrentar a primeira invasão do Império Mongol ao Japão do século XIII, libertando os civis, principalmente na ilha de Tsushima.


A história se passa no ano de 1274 em uma pequena ilha, que apesar de fazer parte do Japão, fica mais próxima da Coreia do Sul e, por conta disso, acaba sendo um dos primeiros pontos de parada do poderoso exército mongol liderado por Khotun Khan, retratado como neto do famoso conquistador Genghis khan. Durante a invasão, é travada a primeira batalha do jogo (nas praias de Tsushima), onde os samurais da ilha são incumbidos de parar os invasores. Missão percebida pelo protagonista como algo impossível devido à dimensão do exército comandado por Khan.


Os samurais são dizimados e todos são dados como mortos, inclusive Jin Sakai, que apesar de muito ferido sobrevive com a ajuda de Yuna, uma ladra que, apesar de suas condutas duvidosas, se vê obrigada a tratar de Jin. Além dele, outro sobrevivente é o Lorde Shimura, tio de Jin e responsável pela ilha.


Curiosidades:

- O jogo recolocou Tsushima no mapa. A ilha, que seguia um pouco esquecida pelo governo japonês, viu o turismo crescer após o lançamento do título. Talvez por isso, como medida de agradecimento, decidiram (ano passado) dar o título de Embaixador de Tsushima aos criadores do jogo e, mais recentemente surgiu interesse de estender o título a todos os desenvolvedores do game.

- Em setembro de 2020, a ilha foi atingida por um tufão que destruiu o Templo de Watatsumi. Para restaurá-lo, seriam necessários cinco milhões de ienes (R$ 263 mil). Uma campanha de financiamento coletivo foi criada e os jogadores conseguiram arrecadar 27 milhões de ienes (R$ 1,4 milhão). A restauração deve ter início agora em abril de 2021.


Gostou da notícia e quer saber mais? Continue acompanhando o Fliperama de Verdade no site e nas nossas redes sociais.


Quer saber quais filmes estão previstos para estrearem nos cinemas, acesse a nossa reportagem sobre "Quais filmes mais esperados no Cinema para 2021".


Para os interessados de plantão, nós da Equipe Fliperama de Verdade e convidados, demos um Continue ou Game Over para as produções de 2020 em nossa retrospectiva.


12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo